Desvende-me

Minha foto
Feira de Santana, Bahia, Brazil
Mestrando em Modelagem Computacional pela Faculdade SENAI CIMATEC, Especialista em Matemática Financeira e Estatística pela Universidade Cândido Mendes UCAM, PósGraduado em MBA em Gestão de Projetos pela Fundação Getúlio Vargas FGV, formado em Matemática pelo Centro Universitário Leonardo da Vinci UNIASSELVI e Técnico em Segurança do Trabalho pela Organização Tecnológica de Ensino OTE, professor dos cursos de Engenharia de Produção, Administração e Contabilidade da UNIRB.

Lattes - Currículo Profissional

Cadastre AQUI seu e-mail.

Total de visualizações de página.

Você está aqui . . .

O mundo nos visita.Tem acesso até no Japão! Veja aí:

free counters

quinta-feira, 3 de maio de 2012

Sustentabilidade

Madeira plástica feita com embalagens
clip_image001A madeira plástica (wood plastic composite – WPC) é proveniente da reciclagem do PE e outros resíduos vegetais, animais, minerais e industriais. Esses resíduos garantem a consistência e a aparência da madeira natural. Além disso é reciclável, a serragem que sobra do corte pode virar madeira novamente. Em geral utiliza embalagens de PEAD, que tem um valor baixo no mercado de reciclagem e acabam sendo indo para os aterros.

No IMA (Instituto de Macromoléculas) da UFRJ, desenvolveu a IMAWOOD onde também recicla as sacolinhas plásticas em uma pareceria com os catadores de Gramacho. Para cada 700kg de Madeira 1 (uma) árvore grande adulta é preservada. E a cada 700kg de madeira plastica 180 mil sacolas plasticas saem da natureza (números aproximados)
Com o aumento drástico de lixo nos aterros sanitários, a madeira plástica – ou sintética, se torna uma boa solução e é uma forma de valorizar esse material no mercado da reciclagem.

Uso e aplicações
clip_image001[4]As madeiras plásticas tem aparência rústica e pode ter vários tons de cores. Reproduzem as espécies naturais como tabaco, pau-brasil e outras. Com boa resistência à umidade, a madeira de plástico é indicada para construções ao ar livre, como bancos de praça, decks, marinas.
clip_image001[6]




Banco de praça
clip_image001[8]
Deck de piscina









clip_image001[10]

Tamba bueiro













Outra possível aplicação da madeira plástica é em tampas de bueiro, frequentemente furtadas devido ao preço elevado do ferro.
Por serem resistentes também são usadas como pallets de madeira e dormentes para a linha ferroviária.

clip_image001[12]Pallets
clip_image002
Dormentes









Os custos para manutenção são reduzidos. Fácil de limpar, basta água e sabão, por isso acaba sendo a prova de pichadores. Dispensa o uso de lixas e vernizes. Pode ser pintada, colada, pregada, aparafusada, encerada e manuseada com os equipamentos – de alto giro, da madeira natural.

Processo de fabricação

clip_image003O processo de fabricação dos mobiliário verde tem início com a separação dos vários tipos de resíduo plástico que posteriormente é moído, lavado e seco.
Depois de derretido, moldado e resfriado, o material já está pronto para o uso. Diferentes tipos de madeira plástica podem sem fabricados a partir desse mesmo processo, inclusive com tonalidades próximas às de madeira natural, dependendo apenas da utilização que se dará a cada produto.
Além de poder se novamente reciclada, outra vantagem da madeira plástica é sua durabilidade que pode chegar a 5 décadas.

Cortesia:

Roberto Miranda Romeiro
Professor de Projeto Final de Curso
Licenciado em Matemática
Licenciando e Bacharelando em Física
(75) 8174-0344 | (75) 9140-2125 | (75) 8819-3998

http://utidasexatas.blogspot.com
MSN: robertoromeiro@hotmail.com
Skype: roberto.miranda.romeiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário